quinta-feira, 30 de maio de 2013

sábado, 25 de maio de 2013

Cai aqui



Por causa de você me sinto macia. Por causa de você eu deixei as horas pra lá. Por causa de você eu flutuo entre os dias. Por causa de você eu me esqueço do resto. Por causa de você tudo é o resto. Por causa de você eu manifesto que as sextas-feiras não deveriam existir. Por causa de você eu olho pra cima e peço tempo. Por causa de você eu desandei a me esquecer. Por causa de você estou aqui e me sinto tão macia.

domingo, 19 de maio de 2013

Amor

Beijou, sorriu, seguiu.
“Meu amor”, diziam reciprocamente.
Miravam-se em flerte, abismados.
O amor fez isso com eles:
Destacou-os, unívocos, da multidão.
E conversavam de modo que algo pudesse sempre acontecer.